Follow by Email

sábado, 30 de janeiro de 2016

Video aulas e apostilas sobre o ECA

Foi com a Constituição que se abandonou, no plano normativo, o conceito de que o menor era um objeto de proteção para considerar a criança e o adolescente como sujeitos de direitos, devendo ser destacados os artigos 227 e 228.
No artigo 227 há uma verdadeira declaração de direitos da criança e do adolescente (hoje extensível aos jovens), de modo que aquelas pessoas não só os mesmos direitos que os adultos, mas outros que lhe são específicos, como o direito ao não trabalho para os menores de 16 anos, salvo na condição de aprendiz, e também o direito à convivência familiar e comunitária. Clique aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário